Exportar registro bibliográfico

Consequências do uso de Cannabis na gravidez na progênie: o que se sabe até o momento (2022)

  • Authors:
  • USP affiliated author: RIBEIRO, CAROLINA DIMITROV - FCF
  • School: FCF
  • Subjects: CANNABIS; GRAVIDEZ
  • Keywords: progênie
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: A Cannabis é a droga ilegal mais consumida no mundo, além de possuir um extenso potencial terapêutico que vem sendo explorado cada vez mais nos últimos anos. Os fitocanabinoides são os principais componentes da Cannabis, sendo os principais o THC e o CBD. Estes compostos atuam principalmente nos receptores canabinoides do tipo CB1 e CB2, que junto com outras moléculas, formam o sistema endocanabinoide. Esse sistema é principalmente associado ao SNC e o sistema imune, mas está presente também em outras regiões, como no sistema reprodutivo. Os componentes do sistema endocanabinoide participam da complexa regulação hormonal e bioquímica envolvida no ciclo menstrual, ovulação e também na gestação. A influência desse sistema na gravidez, somado ao fato de que os fitocanabinoides presentes da Cannabis são capazes de alterar a homeostase endocanabinoide, levanta a possibilidade de que o consumo de Cannabis durante este período pode ter consequências significativas não só na manutenção da gestação, como no desenvolvimento embrionário e fetal. OBJETIVOS: Identificar e descrever os principais mecanismos do sistema endocanabinoide envolvidos na gestação e relacioná-los à perturbação deste sistema decorrente da exposição a canabinoides exógenos. Além disso, evidenciar e resumir, através de uma revisão de literatura, as consequências desta exposição na progênie, a curto, médio e longo prazo. MATERIAIS E MÉTODOS: Revisão bibliográfica conduzida a partir de pesquisa em bancos de dados como SciELO, PubMed e LILACS. A seleção de artigos foi a partir das palavras-chave: "cannabis"; "marijuana"; "pregnancy"; "gestation"; "pregnant". RESULTADOS: A expressão dos receptores canabinoides, assim como as concentrações dos endocanabinoides, estão intimamente relacionados atodas as etapas da gestação, desde a pré-implantação até o parto. Sendo assim, alterações na homeostase desse sistema através da exposição à canabinoides exógenos, são capazes de interferir no sucesso da gravidez e no desenvolvimento embrionário e fetal. Essa interferência pode levar a consequências observadas tanto no recém-nascido, quanto nas etapas posteriores do desenvolvimento da progênie, até o início da vida adulta. Logo após o nascimento, as crianças expostas à Cannabis durante o período pré-natal apresentaram menor peso ao nascer e houve maior incidência de recém-nascidos pequenos para a idade gestacional. Nas fases iniciais da infância, observou-se um prejuízo no desenvolvimento das habilidades verbais e de memória, bem como uma diminuição da atenção. Por volta dos 5-6 anos, notou-se um aumento de impulsividade e hiperatividade e posteriormente, um aumento de sintomas depressivos e um desfalque no desenvolvimento cognitivo. Na adolescência, além dos efeitos cognitivos persistirem, observou-se uma maior predisposição ao início precoce no consumo da Cannabis, assim como maiores chances de apresentarem comportamentos delinquentes. O desempenho cognitivo específico relacionado às funções executivas permaneceu evidente no início da vida adulta, tendo sido observado também um maior consumo de Cannabis em comparação aos adultos não expostos pré-natalmente. CONCLUSÃO: O consumo de Cannabis durante a gravidez é capaz de gerar consequências duradouras na progênie exposta. Apesar das limitações das informações disponíveis atualmente na literatura, a interrupção ou ao menos a redução do consumo durante a gestação deve ser orientada pelos profissionais de saúde, através de uma abordagem acolhedora e livre de estigmas
  • Imprenta:

  • Download do texto completo

    Tipo Nome Link
    Versão Publicada TCC_Carolina Dimitrov Rib... Direct link
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      RIBEIRO, Carolina Dimitrov. Consequências do uso de Cannabis na gravidez na progênie: o que se sabe até o momento. 2022. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2022. Disponível em: https://bdta.abcd.usp.br/directbitstream/ecd8091f-812a-4a0a-a8f8-cead04289e74/TCC_Carolina%20Dimitrov%20Ribeiro.pdf. Acesso em: 14 abr. 2024.
    • APA

      Ribeiro, C. D. (2022). Consequências do uso de Cannabis na gravidez na progênie: o que se sabe até o momento (Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação). Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://bdta.abcd.usp.br/directbitstream/ecd8091f-812a-4a0a-a8f8-cead04289e74/TCC_Carolina%20Dimitrov%20Ribeiro.pdf
    • NLM

      Ribeiro CD. Consequências do uso de Cannabis na gravidez na progênie: o que se sabe até o momento [Internet]. 2022 ;[citado 2024 abr. 14 ] Available from: https://bdta.abcd.usp.br/directbitstream/ecd8091f-812a-4a0a-a8f8-cead04289e74/TCC_Carolina%20Dimitrov%20Ribeiro.pdf
    • Vancouver

      Ribeiro CD. Consequências do uso de Cannabis na gravidez na progênie: o que se sabe até o momento [Internet]. 2022 ;[citado 2024 abr. 14 ] Available from: https://bdta.abcd.usp.br/directbitstream/ecd8091f-812a-4a0a-a8f8-cead04289e74/TCC_Carolina%20Dimitrov%20Ribeiro.pdf

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Academic Works of Universidade de São Paulo     2012 - 2024